Paraguai apreende armas e munições em aeroporto que seriam de um comprador brasileiro

Por Tribuna Popular Publicado em
Paraguai apreende armas e munições em aeroporto que seriam de um comprador brasileiro

O jornal ABC Color do Paraguai informa que armas e acessórios, inclusive para armamentos pesados, foram apreendidos num avião que chegou de Miami ao aeroporto Silvio Pettirossi na da tarde de ontem, terça-feira 30 de junho de 2020.

A apreensão foi resultado de uma fiscalização conjunta do Ministério Público, da Polícia Nacional e da Diretoria de Material Bélico do Paraguai, baseada em suspeitas dos funcionários da Aduana do aeroporto, que atende Assunção.

Segundo o Ministério Público, a investigação inicial mostrou que as armas e carregamentos viriam para Ciudad del Este e teriam sido adquiridos por um comprador brasileiro.

Segundo dados, aproximadamente 50 armas estavam escondidas em fornos elétricos e outros artigos domésticos. Além disso, havia muitas munições de calibre compatível com a metralhadora AK-47 e peças avulsas de armas.

De acordo com o jornal Última Hora, o promotor Federico Delno, que acompanhou a operação, disse que ainda não seria possível divulgar o nome do comprador, \"porque isto é uma coisa muito séria\", mas que os prestadores de serviço courier (entrega) sabem quem são os destinatários. Antes de aterrissar no Silvio Pettirossi, o cargueiro da Aviana havia feito escala na Colômbia, de acordo com o ABC Color.

O Última Hora acrescenta que, em março deste ano, houve uma apreensão similar no aeroporto Guarani, de Ciudad del Este, por isso as autoridades suspeitam que esta seria a nova modalidade utilizada para envio de peças de armas de fogo ao Paraguai (e posteriormente ao Brasil, para atender facções criminosas). Fonte: Cláudio Dalla Benetta - H2FOZ

Fonte:

Atenção!

A reprodução das fotos do portal de notícias Tribuna Popular com endereço digital jtribunapopular.com.br está expressamente proibida.

As fotos são protegidos pela legislação brasileira, em especial pela Lei de Direitos Autorais (Lei Federal 9.610/98) e é um direito de imagem garantida pela lei.

A Tribuna Popular retém os direitos autorais do conjunto de textos e fotos publicados no site conforme a lei 9.610 de 19/02/1998.

Para a reprodução do conteúdo fora das condições especificadas entrar em contato com o seguinte e-mail jtribunapopular@bol.com.br